Aos poucos espalhavam-se por cidades pequenas do interior cursos de pilotagem promovidos pela Honda em conjunto com seus representantes comerciais.
Aconteciam na praça da matriz, de modo que todos viam como as motocicletas podiam ser operadas com segurança. Isso permitia que consumidores tivessem contato com o produto, que pilotassem as motocicletas e assim abandonassem preconceitos.

Cursos especialmente montados para policiais rodoviários reforçavam essa mudança. Ministrados por técnicos especialistas em segurança, eram demonstrações evidentes de que, adequadamente pilotadas, motocicletas eram seguras.

A preocupação da Honda com a segurança dos usuários manifesta-se permanentemente por meio de vários projetos. O "Pilote Numa Boa", por exemplo, foi implantado em 1990 com o propósito de instruir, aprimorar técnicas de pilotagem e transmitir noções básicas aos iniciantes. Tratava-se de um programa inédito para duas rodas que ajudava a estreitar ainda mais os laços entre a Honda, os clientes e as concessionárias.

Desde 1969, quando irnplantou os primeiros programas educativos, juntamente com as primeiras importações de motos, a Honda intensificou as iniciativas em benefício da segurança no trânsito.

curso-de-pilotagem
curso-de-pilotagem-2
Extraido da Honda do Brasil.

Iniciado em 1992, o Clubinho Honda promoveu a educação no trânsito em conjunto com escolas e órgãos de trânsito. O projeto atingiu tanto as crianças como seus pais, mostrando a importância da segurança no trânsito e contribuindo para sensibilizar e conscientizar esses públicos.

Os cursos de pilotagem ministrados em locais públicos difundiram-se pelo país, num esforço que cresceu proporcionalmente ao aumento do número de motocicletas no Brasil. Hoje, muitas concessionárias têm pistas próprias para o desenvolvimento de cursos de pilotagem com segurança.

dicas úteis FOTOS DOS EVENTOS